GOOGLE ANALYTICS: PORQUE É IMPORTANTE QUE VOCÊ O CONHEÇA - Quero Detalhes

GOOGLE ANALYTICS: PORQUE É IMPORTANTE QUE VOCÊ O CONHEÇA

Publicado em sábado, 2 de janeiro de 2021




Como funciona a taxa de rejeição do Google Analytics?

Bom, para quem decidiu investir mais em um site ou blog e fazer o que ama, uma ferramenta que pode te ajudar bastante nesse projeto é o Google Analytics

O Google Analytics é uma ferramenta desenvolvida pelo próprio Google, que te ajuda a monitorar o tráfego de seu site/blog, com gráficos detalhados sobre seu público, trazendo informações da origem do tráfego, horários de acessos, taxa de rejeição, entre outros.

Com essa ferramenta instalada você consegue entender melhor seu público, pois com as informações coletadas, é possível monitorar o perfil das pessoas e analisar o comportamento de seus leitores.



Uma das métricas que me chamou a atenção ao começar a usar o Analytics, foi a "Taxa de Rejeição". Um indicador importante, pois vai te ajudar a tomar melhores decisões de conteúdo em seu site.

De acordo com o próprio Google, uma rejeição é uma sessão de página única no seu blog.

A rejeição é calculada como uma sessão que aciona uma solicitação única ao servidor, ou seja, ela é medida pelas pessoas que acessam seu blog, leem um post, mas não se interessam em navegar em mais conteúdos do site. 


Ela apenas acessa o site e o abandona, sem comentar ou ir para outro post.


O cálculo dessa taxa é feito através das divisões de sessões de página/post único por todas as sessões. Sendo a porcentagem de todas as sessões que foram visualizadas pelas pessoas que leram apenas um post, fazendo com que fosse acionado uma única solicitação do Google Analytics. Saiba mais sobre como esse cálculo é feito.



Nem sempre. 

Isso varia bastante e depende de qual segmento seu site/blog atua. Por exemplo, se a porta de entrada de seu site for algo relacionado a página de produtos, onde o ideal é que o usuário clique nos produtos para conhecer melhor e seguir para a venda, uma porcentagem alta de rejeição indica que esses usuários não estão se interessando em seus produtos. 

Leia também: Ideias de posts para seu blog 

Nesse caso, cabe a você definir estratégias para mudar isso. Talvez alterando as imagens iniciais desses produtos, ou modificando sua estratégia de marketing.

Agora, se seu segmento for de blogs, ou o fornecimento de outros tipos de conteúdos, as sessões de página única é mais esperada. Pois o leitor ás vezes viu sobre o post em alguma rede social, se interessou pelo assunto e foi até seu site para se informar mais, não tendo que necessariamente continuar lendo outros posts. Nesses casos, uma taxa de rejeição alta não é tão preocupante.


Porém, existem formas de reduzir sua taxa de rejeição através de algumas analises. Por exemplo, se a taxa de rejeição for em páginas específicas, verifique se o conteúdo disponibilizado por elas está alinhado ao marketing utilizado na atração dos leitores e se elas possuem instruções claras das próximas etapas que devem ser vistas pelos usuários.

Outra forma de analisar a taxa de rejeição é verificar no relatório do Google Analytics a origem da maior parte das pessoas que não estão se interessando em continuar em seu site, por exemplo, se as pessoas vieram até sua página interessadas em receitas/culinária, através de um post realizado, e se o foco de seu blog não for esse, a rejeição é esperada. 


Por isso é importante verificar sempre a relevância dos anúncios para os conteúdos do site.


O design do site também exerce uma participação relevante no aumento ou diminuição da taxa de rejeição. Imagens bem posicionadas, cores alinhadas com a identidade visual desejada e conteúdos interessantes, podem te ajudar a convencer o leitor a continuar navegando em seu site.

Leia também: Layouts free para seu blog

Sugestão para te ajudar a diminuir a taxa de rejeição do seu blog:

Uma dica para que o leitor tenha interesse em continuar em seu blog, é deixar os links de outras postagens já realizadas ao final ou no decorrer de seus posts e que tenham a ver com a postagem.

Acredito que de duas a quatro sejam o ideal.


Curtiu as dicas? 
Compartilhe esse post para me ajudar na divulgação. Obrigada 😉
Dúvidas ou sugestões deixem nos comentários, para conversarmos.
Me siga no Instagram ==> @larrine.santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário